Vermelhidão, coceiras e bolhas: entenda a dermatite de contato

Vermelhidão, coceiras e bolhas: entenda a dermatite de contato

A dermatite de contato é, provavelmente, uma das doenças de pele mais conhecidas. Essa enfermidade acontece por um processo inflamatório da pele em resposta a algum agente que entra em contato e causa irritação e alergia.

Os sintomas mais comuns são erupção cutânea, coceira, vermelhidão e descamação. A doença não é contagiosa e não oferece risco de vida.

Ela pode aparecer logo na primeira vez em que o paciente entra em contato com o componente ou após algum tempo de exposição.

Existem dois tipos de dermatite de contato: a irritativa e a alérgica. A irritativa é causada por substâncias ácidas ou alcalinas, como sabonetes, detergentes, solventes ou outras substâncias químicas. Pode aparecer na primeira vez em que entramos em contato com o agente causador, o que ocorre com um grande número de pessoas. As lesões da pele geralmente são restritas ao local do contato.

Já a alérgica surge após repetidas exposições a um produto ou substância. Depende de ações do sistema de defesa do organismo, e por esse motivo pode demorar de meses à anos para ocorrer, após o contato inicial. Essa forma de dermatite de contato aparece, em geral, pelo contato com produtos de uso diário e frequente, como perfumes, cremes hidratantes, esmaltes de unha e medicamentos de uso tópico, entre outros.

O primeiro passo para tratar a dermatite de contato alérgica é identificar o que está causando a alergia e evitar o contato com essa substância. Por isso, é extremamente importante procurar um dermatologista ao primeiro sinal da doença.

Entre em contato com a Clínica IDEAL e agende uma consulta.