height="0" width="0" style="display:none;visibility:hidden">
 

Estrias: entenda o problema e livre-se dele

Estrias: entenda o problema e livre-se dele

Embora seja uma condição comum para muita gente, existem homens e mulheres que ainda encaram as estrias como um grande incômodo estético no corpo.

Elas surgem quando as fibras de colágeno, responsáveis pela firmeza e elasticidade da pele, rompem-se e acabam formando cicatrizes. Existem dois tipos de estrias, as recentes e as antigas. Quando são recentes, elas apresentam uma coloração mais avermelhada, já as antigas ficam esbranquiçadas.

Na fase de crescimento, gravidez ou quando a pessoa engorda e emagrece diversas vezes (o chamado efeito sanfona), a pele sofre estiramento rápido e não consegue adaptar-se à nova forma, o que provoca a ruptura de algumas fibras.

As estrias podem surgir em qualquer lugar do corpo, porém, são mais comuns em lugares que sofrem com o estiramento da pele, como os braços, barriga, glúteos, coxas, seios e costas.

Quais são os principais tratamentos para as estrias?

Os tratamentos para estria visam a renovação da pele e o aumento da produção de colágeno. Os melhores resultados são vistos quando as marcas ainda estão recentes, avermelhadas. Sendo assim, os procedimentos mais indicados são:

Esfoliação

Faz uma descamação superficial da pele, promovendo o crescimento de uma nova. O procedimento também aumenta o estímulo para a formação de fibras de colágeno e elastina, melhorando a qualidade da pele.

Ácido retinoico

Essa substância derivada da vitamina A é muito utilizada para o tratamento tópico das estrias. O tratamento pode deixar a pele mais sensível e causar descamação.

Peelings

São semelhantes aos ácidos, porém costumam ter uma concentração mais elevada de ativos que proporcionam descamação e vermelhidão local.

Laser fracionado

O laser fracionado também pode ser utilizado e gera pequenas áreas de dano térmico, além da cicatrização do tecido lesado, promovendo a produção de colágeno.

Seja qual for o quadro do paciente, é imprescindível a avaliação de um médico dermatologista para decidir qual tratamento é o mais indicado. Entre em contato com a Clínica IDEAL e agende uma consulta.

No Comments

Post A Comment